Design a site like this with WordPress.com
Get started

Objetivos

O projeto ReCAP assente numa iniciativa inovadora a nível nacional, destinada ao desenvolvimento e à produção de novos componentes aeronáuticos de matriz termoplástica, através da valorização máxima de “resíduos industriais” com menor recurso a matérias-primas virgens.   Desta forma, cientes das necessidades e dos desafios acima descritos, os promotores do projeto ReCAP têm como objetivo a redução do peso próprio e custo associado ao fabrico de componentes aeronáuticos secundários, por recurso a processos de fabrico de elevada cadência produtiva, implementando um plano de ação inovador assente no desenvolvimento sustentável e competitivo com o objetivo do conceito “resíduo zero”, atribuindo ainda relevância ao incremento associado de performance das componentes a produzir.

  • Desenvolvimento de um componente estrutural aeronáutico híbrido de relação massa/desempenho superior:
    • Redução de peso em 50% e diminuição de custo em 20% relativamente ao seu congénere em alumínio e  mantendo o seu caráter estrutural e funcional;

  • Implementação/exploração do processo de estampagem de compósitos de matriz termoplástica e sobreinjeção num único processo com materiais da família do PAEK:
    • Especificar e desenvolver meios acessórios aos processos (aquecimento, transporte e deposição de alto débito do blank e transporte para a injeção);
    • Especificar/projetar e produzir moldes de injeção de complexidade acrescida;
    • Controlar e monitorizar o processo ao nível dos seus principais parâmetros;

  • Evolução de modelos de simulação do processo de estampagem a quente de compósitos de matriz termoplástica contemplando contrações e empenos:
    • Evolução de modelos existentes com vista à obtenção de outputs como contrações e empenos (por determinação do coeficiente de atrito a várias velocidades de corte) e sua análise sequencial multi-processo (estampagem+sobreinjeção);

  • Implementação/exploração de um sistema de reprocessamento de desperdícios produtivos de compósitos de matriz termoplástica:
    • Zero desperdício;

  • Desenvolvimento de componentes aeronáuticos com base em desperdícios produtivos de matriz termoplástica:
    • Especificar e desenvolver meios acessórios ao processo para 2 processos distintos: injeção e moldação por compressão;

  • Implementação de novo sistema de soldadura para integração in-situ de componentes em estruturas aeronáuticas de grande dimensão:
    • Desenvolvimento e implementação de sistema de soldadura in-situ com aplicação a várias tipologias de demonstradores desenvolvidos no projeto;
    • Redução de peso em 10% e diminuição de custo em 20% relativamente à produção de assemblies por utilização de rebites ou parafusos;

Top

Advertisement
%d bloggers like this: